ORQUIDEAS COMO HOBBY

As orquideas fascinam pela sua beleza, formato e cores.

Algumas exalam perfumes peculiares.

Outras são tão pequenas e as vezes não são valorizadas.

Existem, também, aquelas que chamam atenção pelo seu porte e algumas cujas flores duram até 60 dias.

Mas, o tempo médio de duração de uma flor está entre 2 a 4 semanas.

Tudo isso e alguma coisa mais, é que torna o seu cultivo uma "cachaça"; pelo menos é o que diz a maioria dos orquidófilos, e eu me incluo entre Eles

Luizlelo 10 03 2005


segunda-feira, 3 de junho de 2013

CATTLEYA LABIATA - Características

Cattleya labiata

Cattleya labiata é uma espécie que, no final do verão e principio do outono enfeita nossos orquidários com as suas flores. Além das belas flores, somos premiados com seu magnifico perfume que é exalado principalmente na parte da manhã.
Ele é tão característico que podemos chamar de "perfume dasCattleyas". 
Espécie considerada "Rainha do Nordeste Brasileiro", foi classificada e descrita por John Lindley em 1821. 
Ela é considerada o protótipo de todas as Cattleyas do grupo daslabiatas.

Habitat

Planta epífita que vegeta sobre árvores nas serras como em locais bastante úmidos, sempre protegidos do sol intenso. Vegeta numa altitude entre 500 e 1000 metros.
Ela procede em maior numero de habitats dos estados de Alagoas,Ceara, Paraíba e Pernambuco  e raramente do Maranhão e Piauí.
Sem duvida é uma das mais belas e mais cultivadas orquídeasbrasileiras. 

Planta

Planta vigorosa com pseudo bulbos de 15 a 20 centímetros de altura, comprimidos e sulcados apresentando uma única folhaoblongo-elíptica. Inflorescência composta de três a cinco flores sempre muito bem dispostas. 

Flor

Flor com 20 a 25 centímetros de diâmetro, pétalas sépalas de colorido típico lilas médio em diversas tonalidades. As sépalas são lanceoladas e as pétalas mais longas, ovóides e onduladas.
labelo apresenta variações das quais destacamos as mais comuns como segue:
. Anelata: apresenta a entrada do tubo em forma de anel;
. Atra: colorido escuro do labelo, estendendo-se pela parte externa do tubo até a junção com as      sépalas e pétalas;
. Integra: a mancha escura do lóbulo frontal estende-se pela parte interna do labelo penetrando pelo tubo;
. Orlata: quando a mancha escura frontal estende-se pela sua orla superor;
Venosa: veias escuras entrecortando o colorido na base do labelo.

Principais variedades

Alba: pétalas e sépalas branco-puro, apresentando no interior do tubo colorido amarelo. Clones mais conhecidos: "Fumeiro", "Angerer" e "Octávio Fontes". 
. Caerulea: pétalas e sépalas ligeiramente azuladas, apresentando no lóbulo frontal do labelo tom mais  intenso. Clone:  "Azulão".
. Amethystina: pétalas e sépalas levemente azuladas e lóbulo frontal do labelo de cor ametista. Principal Clone: "Canoinha" ou "Norma Dreher".
. Concolor: pétalas sépalas e labelo apresentando um só tom de colorido. Clone:"Walter Dreher".
. Amesiana: pétalas e sépalas levemente rosadas e labelo de colorido um pouco mais intenso. Clone: "Marcia Regina".
. Amoema: pétalas e sépalas brancas, apresentando no lóbulo frontal um colorido lilás/róseo claro. 
Clone mais famoso: "Flagstad".
. Semi- alba: sépalas e pétalas brancas e o lóbulo frontal colorido. Clone mais conhecido: "Marina", "Cooksoniae" e "Luar de março". 
. Rubra: pétalas e sépalas lilás escuras quase rubra e o lóbulo frontal do labelo purpureo. Clones: "Guerreiro" e "Schuller".
A planta considerada tipo tem pétalas e sépalas lilás escuro e lóbulo frontal do labelo de cor púrpura. Clones mais conhecidos:"Cara Branca", "Guarani", "Rosa Rinald" ou "Emilia" e Juliana".  
Fonte: João Paulo de Souza Fontes, "A Rainha do Nordeste Brasileiro", Edição Europa.
Época de floração
No Norte e Nordeste brasileiro: Dezembro/Janeiro 
No Sudeste e Sul do Brasil: Fevereiro/Março

Cultura

É uma planta de facílima cultura e, por isso, muito recomendada para orquidófilos principiantes.

Fonte: Wikipédia, a enciclopédia livre.